•  
     

Windows 8 tem um problema: inicia rápido demais!

O novo sistema da Microsoft está tão rápido que impossibilita a interrupção do boot para acessar a BIOS do computador ou resolver problemas de inicialização.



A indústria da computação tem feito de tudo para que os sistemas operacionais sejam os mais estáveis possíveis, possibilitando que computadores possam passar dias ligados, sem a necessidade de reiniciá-los. Ao mesmo tempo, desenvolvedores suam para eliminar processos desnecessários e criar artimanhas para que o SO se inicie o mais rápido possível, disponibilizando o sistema dentro de alguns segundos para uso.
Porém, no caso do Windows 8, essas configurações acabaram causando uma dificuldade: o sistema está tão rápido que é impossível ver as mensagens da BIOS, como “Press F2 for Setup”. Dessa forma, quem estiver usando o computador não consegue interromper o processo de boot e alterar as configurações da máquina.
Agora, a Microsoft tem trabalhado em uma solução para o “problema”, tentando encontrar o cenário perfeito para uma inicialização veloz e que não prive o usuário da possibilidade de interrompê-la.
Tem que ser rápido no gatilho
Dependendo das configurações, uma máquina com Windows 8 pode disponibilizar o sistema para alguém em menos de 7 segundos. Isso acontece, principalmente, com máquinas que usam SSD em vez de disco rígido. Com isso, processos como o boot do firmware e POST do computador se tornam muito velozes, ocupando cerca de 2 a 3 segundos.
Além disso, desde o Windows 95, é possível pressionar a tecla F8 para interromper o boot do SO e acessar um menu de opções que fornece acesso, por exemplo, ao Modo de Segurança. Porém, com o Windows 8 em uma máquina com SSD, essa “tela” dura menos 200 milissegundos, tornando impossível que o usuário interaja com ela. Nem Chuck Norris conseguiria ser tão rápido!
Soluções apresentadas
De acordo com o blog da equipe de desenvolvimento do Windows 8, foram implementadas três soluções que, juntas, resolvem esse problema sem comprometer a velocidade de inicialização do SO da Microsoft.

Imagem

Para começar, os programadores reuniram, em um único menu, todas as ferramentas para solução de problemas e opções de inicialização do Windows 8, além de métodos para acessar a BIOS do computador e atalhos para forçar a inicialização da máquina por unidades alternativas, como drives USB ou pendrives.
Além disso, foram implementadas funções de segurança que invocam o menu de boot sempre que o Windows enfrentar algum tipo de problema de inicialização. Para completar, a equipe também forneceu outras formas de chamar esse menu, com métodos que não são voltados para a interrupção do boot, como opções disponíveis no painel de configurações do sistema (PC Settings).

fonte