•  
     

Vírus Marburg já matou mais de 250 pessoas em Angola

LUANDA (Reuters) - O número de mortos na epidemia do vírus Marburg em Angola já passou de 250, mas médicos disseram na quinta-feira que estavam confiantes de que a doença poderia ser contida em breve.

Desde o ano passado, cerca de 253 pessoas morreram da rara doença parecida com o Ebola de um total de 273 casos conhecidos, segundo um documento divulgado na noite de quarta-feira pelo Ministério da Saúde e pela Organização Mundial da Saúde (OMS).

Todos os casos em Angola foram originados na província de Uige, no norte do país, onde as autoridades angolanas, a OMS e as organizações não-governamentais tentam encontrar mais de 500 pessoas que podem ter mantido contato com as vítimas.

Cerca de 48 por cento dos casos conhecidos infectaram crianças.

O Marburg é uma rara febre hemorrágica transmitida pelos fluidos corporais incluindo o suor, a saliva e as lágrimas. A maioria das pessoas morre em poucos dias após uma forte hemorragia.

O número total de mortos na última epidemia do Marburg foi de 123 pessoas na República Democrática do Congo, em 1998-2000.

Especialistas da área da saúde acreditam que os esforços das autoridades para educar as pessoas sobre a doença estavam ajudando a mudar a maré.

"Está começando agora a ficar sob controle. Assim que as pessoas recebem a mensagem sobre como evitar isso, então isso deverá começar a fazer efeito e eu acho que há alguma sugestão de que está começando a acontecer", disse Tom Ksiazek dos Centros para Controle de Doenças dos EUA à Reuters, repetindo a opinião da OMS e do governo.


Fonte: http://noticias.uol.com.br/ultnot/reute ... 46390.jhtm