•  
     

Velocidade Máxima No P2P

Cinco dicas para acelerar os downloads de arquivos na Internet.

O P2P há muito tempo passou do universo dos micreiros para tornar-se uma das razões para assinar banda larga. Para se ter uma idéia, a estatística mais conservadora indica que 40% do tráfego da internet é da rede de compartilhamento BitTorrent, a mais usada atualmente. Mas, se sua conexão não anda dando bons resultados de download com o P2P, há algumas soluções possíveis, mesmo que uma delas seja confirmar que o provedor de acesso faz traffic shaping para mudar de empresa. Confira, a seguir, algumas dicas para melhorar o desempenho do P2P.


Velocidade Máxima No P2P.jpg


Ajustes Automáticos com UPnP

Os roteadores recentes contam com suporte ao padrão UPnP (Universal Plug and Play), que facilita bastante os ajustes de rede para o funcionamento veloz de programas de compartilhamento de arquivos. Mas é preciso ligar essa opção no software usado. No uTorrent, acesse Options > Preferences > Connections e marque a opção Enable UPnP. No eMule, durante a instalação, pressione o botão Configurar Portas Usando UPnP, para que os ajustes sejam feitos automaticamente no roteador. Esse ajustes, no eMule, depois da instalação, ficam em Preferências > Conexão.

Velocidade Máxima No P2P.jpg
Velocidade Máxima No P2P.jpg (48.65 KiB) Visto 859 vezes
 
Roteador Pronto
Velocidade Máxima No P2P.jpg


Se os ajustes de uPnP não funcionam bem com seu roteador, um modo mais rápido de resolver o problema é redirecionar a porta TCP/IP usada pelo programa de P2P diretamente para o PC que compartilha os arquivos. A forma de fazer isso depende da marca e do modelo do roteador, sendo normalmente denominada Port Forwarding ou Virtual Server. Será preciso teclar o número da porta TCP/IP usada (que pode ser obtido nas configurações do programa de P2P), além do endereço IP da máquina, compartilhando arquivos. Para quem se vira bem com o inglês, o site http://www.portforward.comtraz instruções detalhadas para dezenas de modelos de roteadores e programas.

Barras IPs Que Atrapalham

Velocidade Máxima No P2P.jpg
Velocidade Máxima No P2P.jpg (44.99 KiB) Visto 858 vezes
 
Há muita gente mal- intencionada compartilhando arquivos falsos nas redes P2P. Uma forma de evitar isso é usar o PeerGuardian (http://www.info.abril.com.br/download/5271.shtml). Esse programa mantém uma base de dados de endereços IP que enviam dados falsos ou malware. Quando qualquer programa tenta acessar um IP da lista, a conexão é barrada. Dessa forma, a velocidade de download aumenta, por evitar computadores que enviam dados inválidos, além de melhorar a segurança, interrompendo possíveis infecções. O PeerGuardian também pode barrar acesso a sites suspeitos pelo browser, mas esse filtro pode ser desligado caso o usuário deseje. O programa é automático, dispensando quaisquer configurações adicionais. Já o download das atualizações da base de dados pode ser feito de forma automática ou manual.

Teste de Traffic Shaping


Velocidade Máxima No P2P.jpg


Com a proliferação do traffic shaping entre os provedores de acesso à internet, vários programas e serviços surgiram para tentar detectar essa prática e orientar os usuários a migrarem para um provedor mais amigável com o P2P. Um deles é o site Glasnost (http://broadband.mpi-sws.mpg.de/transparency/bttest.php). O teste é simples. Basta acessar o site e clicar no botão Start Testing. É carregado um aplicativo em Java que testa uma transferência por BitTorrent, verificando problemas comuns em conexões com traffic shaping. Outra idéia é usar o plug-in Network Status Monitor (http://www.info.abril.com.br/download/5272.shtml) para o cliente BitTorrent Azureus (http://www.info.abril.com.br/download/4132.shtml).

Criptografia no ar

Velocidade Máxima No P2P.jpg
Velocidade Máxima No P2P.jpg (58.48 KiB) Visto 858 vezes


Uma forma de evitar o traffic shaping, ou pelo menos dificultar a vida de quem o faz, é ligar a criptografia de pacotes, recurso disponível em vários clientes da rede BitTorrent. No uTorrent, a criptografia fica disponível em Options > Preferences > BitTorrent. Na seção Protocol Encryption, escolha a opção Enabled. Com isso, o uTorrent passa a conectar-se com criptografia, apesar de aceitar dados mesmo de quem não os embaralha. Esse ajuste é o melhor, pois se forçarmos a aceitação somente de conexões criptografadas, a velocidade pode cair, já que nem todos os seeders usam essa configuração. No eMule, acesse Preferências > Segurança e marque a opção Habilitar Protocolo de Ofuscamento.

Os Truques do Traffic Shaping

Detecção de pacotes: O cabeçalho dos pacotes enviados e recebidos é analisado. Se for P2P, o pacote é atrasado.

Conexões com tempo fixo: O tempo máximo de transmissão de dados por conexão é diminuído. Com isso, é preciso entrar constantemente na fila de seeders e a velocidade de download cai.

Limite de ligações: É criado um limite de conexões simultâneas, suficiente para navegação, mas baixo para o P2P. Com isso, consegue-se entrar na fila de menos seeders e o download fica lento.




Fonte: http://www.redescomputadores.com/redes/ ... o-p2p.html
 
Nice ... Usefule. India eu estou usando o Wireless Internet Connection Tata Indicom no laptop eu uso o site [url] http://www.ip-details.com/[/ url] para My Internet Upload, Download de Velocidade . Agora minha velocidade dos resultados dos testes são Uploading velocidade é 895Kbps, Baixando Velocidade 563Kbps.