•  
     

TV Digital: desmistificando questões sobre o potencial da in

A TV Digital brasileira, que fez aniversário de 1 ano em dezembro de 2008 e está presente em nove cidades brasileiras, ainda não mostrou o potencial de interação rica prometido pelo middleware Ginga.

Especialistas afirmaram, em evento da Comissão de Ciência e Tecnologia, Comunicação e Informática, que a interatividade chegaria em junho de 2009. O Fórum do Sistema Brasileiro de TV Digital Terrestre (SBTVD) confirma que é possível o acesso a programas interativos no 1º semestre deste ano.

Veja também:
> Fotos: 16 produtos para a TV Digital

A questão ainda é incógnita, contudo. O Fórum revela que a norma para a interatividade móvel foi aprovada em 2007 e só depende dos fabricantes criarem dispositivos que dêem suporte e torná-la realidade. Este ano, foram impostas portarias que obrigam fabricantes brasileiros a criarem celulares que recebam o sinal digital a partir de 2010.

A interatividade móvel pode ainda gerar um entrave de interesses quando se participa de um concurso por SMS enquanto se assiste a TV Digital móvel - aí seria a ‘briga’ entre a emissora e a operadora que gerencia o tráfego.

Além disso, os conversores populares a 200 reais ainda não chegaram ao mercado - há apenas um modelo da Proview que custa 299 reais. Estes modelos não estão prontos para a interatividade, pois não têm o middleware Ginga. Mas só 650 mil brasileiros têm TV Digital - não interativa -, e ainda não precisam de um novo modelo.

Hoje é possível comprar programação por Pay Per View e escolher por qual câmera se vai assistir a uma partida de futebol - esta interatividade básica existe na TV Paga. O Ginga promete levar os telespectadores muito além. Nos EUA, já é possível comprar pizza pela TV, com o serviço da TiVo.

E no Brasil? Quando a TV será interativa? O que é preciso para usufruir? Veja abaixo.

Fonte: http://idgnow.uol.com.br/telecom/2009/0 ... atividade/