•  
     

Trabalhador bêbado provoca incêndio em museu de Moscou

Um eletricista bêbado iniciou um incêndio em um dos museus de arte de Moscou mais famosos do mundo após adormecer enquanto fumava um cigarro, informou neste domingo uma fonte da polícia à agência de notícias RIA.

A chama no Tretyakov Gallery de Moscou começou no sábado em um prédio de engenharia próximo à principal galeria e danificou equipamentos técnicos, mas nenhuma obra valiosa do museu foi atingida pelo fogo.

Segundo a fonte da polícia, o trabalhador de 49 anos causou o incêndio, mas uma porta-voz do museu disse que era muito cedo para definir o que provocou a chama.

"De acordo com os primeiros relatos, o homem embriagado adormeceu com o cigarro aceso", informou a RIA citando a fonte.

"Ele está agora na unidade de tratamento intensivo e ainda não pode testemunhar o acidente".

Um das telas mais famosas do museu, do pintor do século 19 Ilya Repin, retrata Ivan o Terrível após matar seu filho em um acesso de raiva.