•  
     

Sobe para 43 o número de cidades em situação de emergência e

Sobe para 43 o número de cidades em situação de emergência em MG



O número de cidades de Minas Gerais que decretaram situação de emergência devido às chuvas que atingem o estado desde setembro chega a 43, segundo boletim divulgado neste sábado (20) pela Defesa Civil.

O número de óbitos também subiu. No total, 13 pessoas morreram nos últimos três meses, desde quando começou o período chuvoso. Desses casos, nove foram registrados na última semana, depois de enchentes e deslizamentos. O óbito mais recente anotado pela Defesa Civil foi o de um homem de 64 anos, que foi arrastado pela correnteza quando atravessava uma ponte, em Brumadinho, na sexta-feira (19).

Por causa da chuva, mais de 32 mil pessoas tiveram que deixar suas casas. No total, 27.761 estão desalojadas (foram para casa de parentes e amigos) e 4.594, desabrigadas (estão em abrigos públicos). Mais de 155 mil pessoas foram afetadas.

Problemas
A chuva deu uma trégua neste sábado, em Minas Gerais, mas os moradores ainda enfrentam problemas. Em Divinópolis, falta água potável e o abastecimento tem feito com galões.

Em Congonhas, ainda há risco de deslizamentos em alguns bairros e, em Brumadinho, muitas regiões permanecem alagadas e o acesso só é feito por helicóptero.


Fonte: G1