•  
     

Produção de ‘Gran turismo 5′ supera US$ 60 milhões

Imagem

O produtor de “Gran turismo 5”, Kazunori Yamauchi, revelou em entrevista para a revista americana AutoWeek que já gastou mais de US$ 60 milhões no desenvolvimento do jogo. O título está em desenvolvimento há cinco anos e será lançado apenas no dia 31 de março de 2010.

O valor gasto na produção do game de corrida exclusivo do PlayStation 3, no entanto, pode ser inferior a títulos como “Shenmue”, do Dreamcast, que custou US$ 70 milhões, e “Grand theft auto IV”, que gastou US$ 100 milhões para ser lançado. Entretanto, “Gran turismo 5” ainda está longe de ser finalizado, o que pode elevar o valor do desenvolvimento e torná-lo um dos jogos mais caros já produzidos.

O longo período de desenvolvimento do título ocorre por conta do perfeccionismo de Yamauchi. Ele faz questão de testar todos os veículos que estarão presentes no game e só passa a trabalhar com outro carro quando a sensação de pilotar no game é exatamente igual à vida real. O mesmo nível de detalhes ocorre com o som: a produtora utiliza diversos microfones para gravar o ronco dos motores de cada veículo em diversos ângulos de câmera. Para a visão interna, é usado um microfone com o formato da cabeça humana para maior fidelidade sonora. A previsão é que “Gran turismo 5” tenha mais de mil carros de diversas fabricantes em sua versão final.

Além de “Gran turismo 5” ser o primeiro jogo da franquia a permitir que os carros amassem no caso de acidentes, Yamauchi disse na mesma entrevista que o título focará jogadores menos experientes. Desse modo, ao lado de sistema de ajuda como freios automáticos, os jogadores poderão voltar alguns segundos no tempo para “corrigir” um erro em uma curva, por exemplo. Este recurso de “voltar no tempo” já existe em games de corrida como “Grid” e “Dirt 2”,
 
NOSSSA