•  
     

OS PERIGOS DO ESOTERISMO

OS PERIGOS DO ESOTERISMO
A palavra esoterismo, do grego "esotéricos", é sinônima de ocultismo e está relacionada com a doutrina que se oculta das pessoas em geral e se revela apenas aos iniciados. Brasília é tida como uma cidade esotérica por contar com diferentes recantos aonde se pratica o misticismo em todas as suas modalidades, entre os quais se destacam "Cidade da Paz", o "Vale do Amanhecer", a "Cidade Eclética", e um grupo de ufológico que vasculha permanentemente o espaço em busca de outras vidas.

As pessoas místicas gostam de olhar o Universo através de um telescópio e dimensionar sua imagem espiritual. Nesses lugares praticam-se: jogo de búzios, tarologia, astrologia, trabalho de energização de cristais, quiromancia; encontram-se: sensitivos, videntes, mestre de Tai Chi Chuan e I Ching (oráculo chinês). Os supersticiosos que se dirigem a esses lugares são pessoas que estão dispostas a pagar qualquer preço por uma consulta, submeter-se às chamadas acupunturas psíquicas para a regressão de vidas, praticar ioga ou meditação transcendental, enfim, estão dispostas a se desenvolver com todo o tipo de recursos místicos para a solução de seus problemas.

Para que essas práticas – astrologia, tarô, numerologia, I Ching – funcionem, é preciso que as pessoas acreditem em seus poderem PSI ou extra-sensoriais.

O Poder Extra-Sensorial existe?

Admitimos que o sobrenatural realmente exista, mas não que seja resultante de um poder mental inato ao homem e que para sua manifestação se torne necessário despertar poderes extra-sensoriais. Tais poderes só podem ser desenvolvidos por alguns. Daí por que existe o título de sensitivos, videntes, esotéricos ou ocultista para as pessoas que os desenvolvem.

fonte:http://www.combateasseitas.hpg.ig.com.br/esoterismo.htm
 
O que a Bíblia tem a dizer?

Note o que a Bíblia diz de todos os homens:

Salmos 39:5 "Na verdade, todo homem, por mais firme que esteja, é totalmente vaidade".
Jeremias 17:5 "Maldito o homem que confia em outro homem e faz da carne o seu braço".