•  
     

Observatório divulga foto de estrela-bebê

Imagem foi conseguida por telescópios da Nasa e de agência europeia


Imagem


Os astrônomos observaram a estrela na constelação de Centauro, a aproximadaente 10 mil anoz-luz (distância percorrida pela luz em um ano no vácuo) da Terra.

O ESO (Observatório Europeu do Sul, em português) divulgou nesta quarta-feira (14) a imagem de uma estrela-bebê obtida por dois telescópios, um da Nasa (agência espacial americana), o Spitzer, e outro europeu.

A inédita foto em que aparece a estrela com uma nuvem de poeira e gás é uma evidência direta de que as estrelas gigantes - com massa pelo menos dez vezes maior que a do Sol - também nascem como as estrelas menores: a partir de um disco de nuvem formado por poeira e gás.

Stefan Kraus, do Departamento de Astronomia da Universidade de Michigan e coordenador da pesquisa, explicou as imagens.

- Nossas observações mostram um disco ao redor do embrião de uma jovem estrela de grande massa que está prestes a se formar.

Estudos anteriores cogitavam que as estrelas maiores nada mais eram do que uma aglomeração dos mesmos astros, mas de pequeno porte.

Os astrônomos observaram a estrela-bebê na constelação de Centauro, a aproximadaente 10 mil anoz-luz (distância percorrida pela luz em um ano no vácuo) da Terra.
 
lol... que téenso
 
nee