•  
     

No que os Mórmons Acreditam

Em 1842, Joseph Smith, que reorganizou A Igreja de Jesus Cristo dos Santos dos Últimos Dias, escreveu o que veio a ser chamada de Regras de Fé onde tinha uma lista de treze crenças básicas sobre o Mormonismo. Estas treze regras esboçam os princípios básicos e as crenças do Mormonismo. Resumo das Crenças.



1. O Mormonismo ensina que a Deidade Consiste de três pessoas: Deus o Pai, Seu filho Jesus Cristo, e o Espírito Santo.



2. O Mormonismo ensina que homens e mulheres são responsáveis pelos seus próprios pecados. Enquanto os Mórmons reconhecem a queda de Adão e Eva, eles não acreditam na idéia do Pecado Original.



3. O Mormonismo declara que todos os homens e mulheres podem ser salvos (voltar à presença de Deus) pelo Sacrifício Expiatório de Jesus Cristo se obedecer aos mandamentos de Deus e receberam as ordenanças necessárias.



4. Os princípios fundamentais do Mormonismo é ter Fé em Jesus Cristo, arrependendo-se dos próprios pecados, ser batizado por imersão para estar limpo dos pecados e receber o dom do Espírito Santo pela imposição das mãos para ser confirmado membro da igreja de Cristo.



5. O Mormonismo ensina que Deus concede autoridade aos homens de agir em seu nome. Os homens, contudo devem ser chamados por Ele, por profecia ou revelação, e devem ser ordenados por imposição das mãos por homens que já tenham a devida autoridade de Deus para administrar em seu nome: O Sacerdócio.



6. De acordo com a organização da Igreja no Novo Testamento, a Igreja de Jesus Cristo moderna dos Santos dos Últimos dias é dirigida por "apóstolos, profetas, pastores, professores, evangelistas, etc." Por esta hierarquia, a Igreja Mórmon pode tomar conta de todos seus membros numa maneira organizada.



7. O Mormonismo acredita nos dons espirituais tal como o dom das línguas, no dom da profecia, de receber revelações e visões, ser capaz de curar e de ser curado, e todos os milagres falados na Bíblia ainda são dados hoje a homens e mulheres dignos. No Mormonismo, milagres não cessaram.



8. O Mormonismo ensina a acreditar na Bíblia, mas reconhecem que alguns erros se encontram nela por causa da dificuldade de tradução. Os mórmons também acreditam que o Livro de Mórmon É a palavra de Deus.



9. O Mormonismo acredita que esse Deus revela a sua palavra à humanidade. O fez nos tempos passados como registrado na Bíblia, e os mórmons acreditam que Ele continua a faze-lo hoje. Eles também acreditam que Deus continuará a revelar a suas verdades concernentes a edificação do Seu reino.



10. O Mormonismo ensina que Israel será novamente coligada. O Mormonismo declara que Sião estará no continente americano. Os mórmons também acreditam que quando Jesus Cristo retornar reinará na terra pessoalmente como um rei.



11. O Mormonismo acredita na tolerância religiosa. Reivindicam o direito de adorar sem ser atacados e assim permite aos outros fazer o mesmo.



12. O Mormonismo ensina aos seus membros a serem honestos, cidadãos obedientes às leis de qualquer país em que eles vivem.



13. O Mormonismo acredita em ser honesto, leal, modesto, bondoso, virtuoso, casto e em fazer o bem a todas as pessoas. Os mórmons procuram seguir Deus com esperança e resistência. O Mormonismo respeita e admira o que é virtuoso, amável, e louvável.

Famílias Eternas

Em 1995, a liderança atual da Igreja Mórmon emitiu uma declaração ao mundo sobre a importância da família. Isto é conhecido como A Família: Proclamação ao mundo e mostra às crenças do Mormonismo concernentes a santidade do casamento e relações familiares.

Os Mórmons acreditam que todos os homens e mulheres são filhos de Deus, que Ele é nosso Pai espiritual. Os mórmons freqüentemente referem-se a Deus como nosso “Pai Celestial” e procuram ter um relacionamento pessoal com Ele e Seu filho, Jesus Cristo, por meio da oração e de uma vida reta. Como filhos de Deus, cada homem e mulher têm seu potencial e propósito.

O Mormonismo assegura que ser homem ou mulher é uma característica essencial da identidade de uma pessoa. Isto encerra que o espírito da pessoa tem um sexo que é eterno e não pode ser alterado. As diferenças entre os sexos foram divinamente instituídas de modo que homens e mulheres complementam se em vida e em casamento.

O casamento, para os mórmons, "é ordenado por Deus" e é considerada uma união sagrada entre um homem e mulher. O casal deve ser legalmente casado pela autoridade adequada. Acreditam que um relacionamento é criado para fornecer uma atmosfera positiva para criar crianças e assim elas terem uma boa base emocional e espiritual.

Viver juntos sem o compromisso do casamento implica em uma união que não é forte o suficiente. Os mórmons também acreditam que, quando selados pela autoridade adequada em um templo Mórmon, o casamento pode ser eterno.

Obtido em "http://pt.mormon.wikia.com/wiki/No_que_os_M%C3%B3rmons_Acreditam"
 
Muitos que lêem este livro poderão perguntar: Onde os mórmons conseguiram idéias tão diferentes acerca de Deus e de Cristo? Qual é a fonte de sua doutrina? Onde sua igreja realmente se originou? Qual é o fundamento sobre o qual se firmam suas crenças?

De maneira muito breve, os mórmons ensinam que o verdadeiro evangelho desapareceu da terra logo depois da era da igreja apostólica. Crêem que todas as igrejas de então se tornaram falsas, e que não tinham autoridade dada por Deus. Todos os cristãos professos, durante centenas de anos eram corruptos, falsos, apóstatas. Então Deus restaurou o verdadeiro evangelho e sua autoridade original mediante um jovem chamado José Smith. Um anjo apareceu, em visão, ao jovem José e depois levou-o a algumas placas de ouro escondidas perto de Palmyra, no estado de Nova lorque. Destas placas, Deus fez com que José Smith fosse capaz de produzir O Livro de Mórmon, o primeiro livro inspirado, o fundamento do mormonismo.

Uma vez que José Smith declarou que todas as igrejas, sem exceção, são falsas e todos os seus membros são corruptos, parece-nos justo contestá-lo. Se José foi um verdadeiro profeta de Deus, então a Primeira Visão devia ser clara e indiscutível, pois Deus não é autor de confusão. Mas, ouçamos as próprias fontes mórmons quanto à importância desta Primeira Visão.
 
Estudo os mórmons e só algumas correções
ele não produziu o livro de mormon
ele nao disse que as igrejas se tornaram falsas, isso da a ideia de que as igrejas eram certas e se tornaram falsas
e ele nao disse que os membros ou cristão eram corruptos mas q os lideres religiosos eram corruptos pois nao tinham autoridade
de resto eh isso mesmo
 
acho manero mórmons eles viaja pra caramba se eu fosse um eu pedia pra ir lá pra Noruega kkkkkkkkkk, de preferência oslo :lol: