•  
     

Microsoft pede dinheiro de volta a demitidos

Depois de, no mês passado, demitir 1400 funcionários, a Microsoft percebeu que exagerou na recompensa aos funcionários e agora os chama de volta para uma reavaliação monetária.

Tratando o engano como uma falha de cálculos do RH, a empresa estaria chamando os antigos empregados que receberam "ofertas mais generosas" para conversas durante fins de semana, segundo notícia do TechCrunch.

O site especializado em tecnologia e corporações, aliás, publicou uma carta que um funcionário demitido da gigante dos softwares teria recebido recentemente, solicitando sua presença para uma renegociação.

A Microsoft teria confirmado o erro por meio de um porta-voz, publicou a CNET, porém, classificou como "uma questão privada entre empresa e pessoas afetadas".

Não se sabe ao certo de quanto ou como se sucedeu o erro de contabilidade, já que a carta da Microsoft é pouco esclarecedora. O que ela explica é que alguns funcionários tiveram recompensa de valor abaixo do que deveriam.

Fonte: http://info.abril.uol.com.br/aberto/inf ... 2009-3.shl