•  
     

Lula quer reduzir desmatamento em 71% até 2017

Meta é elogiada pelo presidente francês Nicolas Sarkozy.
Crise financeira e cooperação estiveram na pauta da cúpula.


Em declaração à imprensa durante a II Cúpula Brasil-União Européia, na tarde desta segunda-feira (22), o presidente Luiz Inácio Lula da Silva afirmou que pretende reduzir em 71% o desmatamento da Amazônia até 2017, em relação aos valores observados entre 1996 e 2005. Até 2020, a meta é que essa redução chegue a 80%.

A iniciativa foi elogiada pelo presidente da França, Nicolas Sarkozy, durante seu pronunciamento.

"É um compromisso do país para o país e para o mundo. Porque nós dizemos todo dia que a Amazônia é brasileira, mas que nós queremos partilhar os benefícios da Amazônia, sobretudo no que diz respeito à sua riqueza de biodiversidade", disse o presidente Lula, ressaltando que essa meta representa menos 4,800 bilhões de toneladas de CO2 emitidos. "É mais do que todos os países ricos juntos se comprometeram em Kyoto".

Veja fotos da visita do casal Nicolas Sarkozy e Carla Bruni

1.jpg
1.jpg (10.89 KiB) Visto 116 vezes


Lula ressaltou ainda a importância da parceria com a União Européia. Em seu discurso, o presidente afirmou que este ano o intercâmbio comercial cresceu 26% e superou US$ bilhões de dólares, o que equivale a 22% do comércio global do Brasil.
 
Acho que vai subir 8,9 % Por Ano