•  
     

Livro: "O Hacker que encontrou estatisticamente o tesouro do reino dos céus"

http://www.portalpordiadema.com.br/uploads/LIVRO.pdf

Introdução
Este livro é uma ficção em seu sentido histórico, porém é totalmente autêntico em seu sentido de desejo da humanidade.
Todos os grupos que dividem a sociedade hoje limitam o homem com referência a didática de formação profissional científica e religiosa. Shakespeare dizia que somos feitos da mesma matéria que nossos sonhos, por isso todos os seres humanos deveriam conhecer as teorias do funcionamento da nossa mente. Em especial a coletânea de 5 livros escritos por Augusto Cury referente a análise psicológica e psicossocial dos comportamentos de Jesus Cristo.
Nosso grande erro é ensinar as crianças e os adultos a negarem as suas vontades quando o adequado é assumir todas elas e então dar a prioridade certa a cada uma delas. Essa é a única forma de uma pessoa parar de ver o mundo pela perspectiva unitária e ver tudo pelos olhos da humanidade, aprender o que é o amor e esquecer o que é o egoísmo, se aventurar na prática da compreensão e tolerância e deixar para trás o orgulho e a ignorância, é o método eficaz de proliferar a humildade e simplicidade extinguindo no interior do homem a ganância e a rivalidade.
Nossa personalidade é fruto da freqüência de nossas escolhas. Quando negamos e não assumimos nossas vontades, nós nos corrompemos. Quando o homem deixa de ser sincero consigo mesmo, ele se transforma em alguém arrogante e pervertido, ser sempre autêntico é o caminho para o reino da Justiça. Isso tudo é muito mais abrangente para o mundo do que somos capazes de enxergar individualmente.
A mídia manipula homens e mulheres, toda vez que seu conteúdo é voltado para competição, capital, lucros, produtos, distrações desnecessariamente persistentes, ela alimenta dentro do telespectador a mensagem de que essas são as coisas importantes e que vale a pena viver até o dia da sua morte em prol delas.
Em fevereiro de 2013 a revista Superinteressante publicou: “A obesidade já mata mais do que a fome”. Já parou para refletir sinceramente sobre isso? O ser humano que não passa por necessidades tem uma forte tendência de ignorá-las nos outros que as tem de fato. Estudos indicam que a maior parte das pessoas acreditam em Deus, então eu me pergunto, esse Deus que elas exercem fé tem vontade? As pessoas que acreditam no Criador procuram de verdade conhece-la? As vontades divinas estão mais próximas da vontade da humanidade ou da vontade dos poucos homens do mundo que possuem 90% das riquezas materiais de todo o nosso planeta? Jesus sempre criticou a hipocrisia, por isso penso que Este Cristo prefere um ateu ou agnóstico sincero do que um cristão meia boca, que não põe em prática a vontade de Deus.
Que tal olhar para dentro de si mesmo? Repare profundamente nas suas menores escolhas, analise com persistência naquilo que você está incentivando, repare nas ideias que você está nutrindo, repare no monstro que você está engordando antes de pensar em condenar alguma coisa!
Porque se você parar para pensar é muito fácil dizermos que os ricos são os culpados enquanto você não perde um capítulo da sua novela, não perde um jogo televisionado ou uma corrida de fórmula 1. Aquilo que é desnecessário e deveria ser pouco utilizado apenas para distração tornou-se o mais importante. E a mensagem que transmitimos para a mídia é que isso é importante para nós! Porque se não fosse, por que tanto ibope? Por não darmos a prioridade certa as nossas vontades, nos deixamos corromper e corrompemos outros.
Existem 3 formas de enganação neste mundo que criamos: acreditar que alguma coisa ou bem material é realmente importante, acreditar que as recreações e distrações deste sistema podem realmente te satisfazer e viver todos os dias da sua vida esquecendo-se de que logo você vai morrer.
Por isso o sábio vive todos os dias da sua vida sabendo que a morte se aproxima, sabe que o mais importante é conhecer a vontade de Deus dentro de si mesmo e que a única coisa verdadeiramente capaz de te satisfazer é amar ao próximo e ajudá-lo, sempre semeando a mensagem que desperte o melhor nas pessoas ao seu redor. Essa mensagem chama-se reino de Deus.
Você não escolhe o seu governo quando você vai até uma urna votar, você escolhe o seu governo quando ouve a palavra do amor de Deus e decide ignorá-la ou aceitá-la, pois o reino dos céus governa o coração das pessoas que o aceitam. Não importa se o sistema é capitalista, socialista ou comunista se cada membro dessa sociedade possuir o reino divino no seu interior. Nós achamos que são as regras no exterior do ser humano que dizem como a comunidade deve andar, quando na verdade é a personalidade de todos juntos que a fazem se mover. É o interior do homem que rege tudo e se isso estiver unificado no verdadeiro amor de Deus, não importa o sistema que vivemos, por causa das escolhas das pessoas que nele vivem isso tudo será belo.
Este livro será autêntico a vontade do homem, a todas elas, desde as mais importantes, as menos importantes porque o conceito principal capaz de aperfeiçoar as melhores virtudes dos leitores e da humanidade é apenas um:
“O pior da vida não são as grandes dificuldades que passamos, mas sentir-se sozinho perante elas, por isso a sabedoria não está em negar as suas vontades, mas primeiramente assumi-las e depois dar a prioridade certa a cada uma delas, coloque-se no lugar do outro, devemos harmonizar a nossa vontade individual com a vontade da humanidade.”
“Todas as coisas me são permitidas, mas nem todas as coisas me convêm; todas as coisas me são permitidas, mas nem todas as coisas edificam. Ninguém busque o proveito próprio. Pensem também no que é o melhor para os outros.” ( Paulo – 1ª Cor 10)

Por que os autores deste texto são anônimos e assinam seus textos como NeoqJav?
Motivo 1: Com quanto mais intensidade seus discursos se harmonizarem com suas ações, com menos frequência você terá que escrevê-los e assiná-los!
Motivo 2: O livro bíblico de Jeremias diz: “Não se glorie o sábio da sua sabedoria, não se glorie o poderoso do seu poder, não se glorie o forte da sua força e não se glorie o rico de suas riquezas. Mas quem se gloriar, glorie-se em ter conhecimento do Senhor Criador do universo, que fará justiça sobre esta terra.”
Motivo 3: NeoqJav significa: ‘Nunca esqueça o quanto Jesus ama você!”
Motivo 4: O importante não é o autor dos textos, mas as ideias e os seus efeitos.
Motivo 5: O maior homem que pisou nesta terra, nada deixou por escrito, no entanto ele é conhecido pelas atitudes daqueles que colocam em prática seus ensinamentos. Não queremos criar novos ensinamentos, ou ser reconhecido por nossas conclusões desta vida, queremos apenas colocar em prática os ensinamentos do Filho de Deus, que diz: ‘Aquele que se rebaixar será elevado e aquele que se enaltecer será humilhado’.
Motivo 6: Olhe para a parte mais sábia de sua essência, se coloque no lugar dos outros. Caro leitor, caso você se identificar com alguma das idéias contidas neste livro, não se engane, você é um dos autores desta obra!