•  
     

Juiz concede à mãe de Jackson controle temporário de proprie

KatherineJackson obteve controle de parte do patrimônio de Micahel.
Família diz acreditar que cantor morreu sem testamento válido.


Michael Jackson durante apresentação em Pasadena, Califórnia, em 2002..jpg
Michael Jackson durante apresentação em Pasadena, Califórnia, em 2002.


Um juiz garantiu a Katherine Jackson o controle limitado de algumas das propriedades do seu filho nesta segunda-feira (29) depois da mãe do cantor ter expressado preocupação a respeito do controle dos seus investimentos e contas bancárias.

Cobertura completa: Jackson morre

O juiz Mitchell Becktoff, do Tribunal Superior de Los Angeles, deu a Katherine Jackson a autoridade para ter o controle sobre algumas propriedades de Michael Jackson, atualmente nas mãos de uma terceira parte não identificada. A decisão não detalha a natureza dessas propriedades.

O vocabulário na ordem de Beckloff é similar à linguagem encontrada na petição de Katherina para obter o controle de milhares de itens do seu filho removidos do seu rancho Neverland.

Tais itens, incluindo peças de vestuário do cantor, prêmios e outros itens descritos como “sem preço e insubstituíveis”, foram listados para um leilão no início deste ano, até que um processo de Jackson os bloqueasse. Um acordo resultou nos bens disponibilizados para exibição pública em Beverly Hills, mas não para venda.

O leiloeiro Darren Julien, que disse ter gasto US$ 2 milhões organizando a venda antes do seu cancelamento, disse que ele não faria nada com os itens sem a permissão da família ou dos produtores de Jackson. “Sob nenhuma circunstância nos envolveríamos, a não ser que a família ou a MJJ Porductions nos autorizasse”, disse Julien.

L. Londell McMillian, advogado de Katherine Jackson, não retornou uma ligação com o pedido de comentários.

Sony-ATV

Beckloff não garantiu a Katherine o controle de seus grupos financeiros, incluindo sua parte no gigantesco Sony-ATV Music Publishing Catalog, que inclui músicas dos Beatles, Bob Dylan, Neil Diamond, Lady Gaga e Jonas Brothers, cujo valor estimado chegaria a US$ 2 bilhões.

Katherine Jackson pediu o controle das finanças de Jackson para o benefício dos três filhos do pop star. Beckloff deu a ela a guarda temporária das crianças na segunda-feira (29), mas não das suas propriedades.

Burt Levitch, outro advogado de Katherine, listou diversas razões para querer conquistar o controle do império financeiro do cantor.

Os argumentos de Levitch apontam para a necessidade de controlar um possível cenário onde inúmeras pessoas comecem a clamar estar agindo dentro dos interesses de Michael. Enquanto as finanças de Jackson estão bagunçadas e o cantor se afundava em dívidas, seu patrimônio deve se valorizar nos próximos meses e anos.

Testamento

A petição diz que outras pessoas apresentarão documentos, inclusive um testamento, que podem funcionar “em detrimento ao patrimônio”, escreveu Levitch. O documento também diz que é possível haver diferentes testamentos atribuídos a Michael, que Beckloff deve revisar e considerar.

Levitch disse que um antigo representante de Jackson teve acesso aos itens em Neverland e que “as chances de que propriedades tão valiosas desapareçam ou sejam exploradas de maneira errada são altas”.

A petição de Katherine diz ainda que a família acredita que Jackson morreu sem um testamento válido. Ela também não tenta calcular o valor total das propriedades de Jackson, dizendo que ele “será determinado”.

Fonte: http://g1.globo.com/Noticias/PopArte/0, ... DADES.html