•  
     

Imagens mostram crianças que tiveram perucas com celulares c

Aparelhos foram colados ao couro cabeludo de meninos de 5 e 6 anos.
Mães foram detidas; elas queriam entrar no presídio de Mirandópolis.





Imagens mostram as crianças que tiveram perucas com celulares coladas no couro cabeludo pelas mães, para poder entrar no presídio de Mirandópolis, a 594 km de São Paulo, com os aparelhos. Duas mulheres, mães dos meninos de 5 e 6 anos de idade, foram presas neste sábado (29).



Para descolar as perucas, a policia usou água quente - foram cerca de 30 minutos no processo. Segundo a conselheira tutelar Inês Vitório dos Santos, uma delas reclamou de dor. "Ela colocou a mão na cabeça, reclamou que estava doendo. Tinha muita cola, na cabeça, e tava chorando também devido à situação".



As mulheres foram detidas. Um dos meninos ainda chupa chupeta. Pouco restou dos cabelos das crianças, que foram cortados. Escondidos na peruca que eles usavam estavam baterias, carregadores, circuitos e carcaças de celulares.

A tentativa de usar as crianças para entrar com os aparelhos na penitenciária foi durante a visita. Os agentes penitenciários desconfiaram das mulheres e descobriram o plano delas. Elas queriam levar os celulares para os maridos que cumprem pena na penitenciária de Mirandópolis.



As duas prestaram depoimento à polícia. Na pensão em que elas estavam hospedadas na cidade, a PM apreendeu cola, fitas adesivas, ferramentas para montar os celulares. Segundo Inês, as crianças vão continuar com as mães.


Fonte: http://g1.globo.com/Noticias/SaoPaulo/0 ... CABEC.html
 
powwwwwww