•  
     

IBM anuncia desenvolvimento de chip que lê DNA

A IBM pretende desenvolver um microchip que terá a capacidade de ler o DNA humano. O objetivo do projeto é desenvolver o tal leitor pessoal de DNA por um custo entre US$100 e US$1.000 cada (algo entre R$175 e R$1.750, no câmbio de hoje). Como parâmetro de comparação, o primeiro seqüenciador de DNA, o do Projeto Genoma Humano, custou pelo menos 3 bilhões de dólares.

As tecnologias que possibilitam a leitura rápida, barata e amplamente disponível do DNA têm o potencial de revolucionar a pesquisa bio-médica e ser o prenúncio de uma era de medicina personalizada”, declarou hoje Gustavo Stolovitzky, pesquisador da IBM.

A tecnologia utilizada baseia-se nos chamados nanoporos, orifícios nanométricos feitos no chip, através dos quais passariam moléculas do tecido a ser analisado pelos sensores que seqüenciariam o DNA.

Estima-se que a tecnologia esteja disponível em 5 a 10 anos. A medicina personalizada permitiria um tratamento mais adequado a pacientes, possibilitando que o médico baseie o tratamento em peculiaridades que só um exame genético poderia assegurar. Considerando o baixo custo do aparelho e o curto tempo para analisar o DNA (estima-se que cerca de 1 minuto), os pesquisadores da Big Blue esperam que a tecnologia acabe sendo amplamente utilizada e traga grandes benefícios à área de saúde.

Fonte: Tecnoblog / ComputerWorld