•  
     

Henry Moore na Pinacoteca

Henry Moore na Pinacoteca

Uma das maiores e melhores.jpg


Uma das maiores e melhores exposições do ano de 2005, será, sem sombra de dúvida, a retrospectiva do grande escultor inglês HENRY MOORE, à partir do dia 12.04, na PINACOTECA DO ESTADO;.

São 117 esculturas pesando algumas até 700 quilos, 72 desenhos e 50 gravuras que vão ocupar o 1o. andar inteiro da Pinacoteca.

A mostra, feita em parceria com a Brition Council e Henry Moore Fundation (criada pelo artista em 1997), está avaliada em 270 milhões de reais.

É um privilégio poder ver de perto as obras deste artista, para muitos, considerado o RODIN do século XX.

Na obra de Henry Moore, dois temas são recorrentes, mãe e filho, talvez pela relação de admiração e amizade com a mãe, apesar de ser um dos seus sete filhos.

Já a outra temática das figuras inclinadas têm como influência a escultura pré-colombiana, ao lado das máscaras africanas.

Nesta exposição (a maior já realizada fora da Europa, tendo levado, por isso mesmo, dois anos de negociações), vamos pode conhecer os caminhos tomados por este artista britânico que transformou suas obras em monumentos públicos, criando equilíbrios assimétricos, com suas cavidades de espaços vazios e cheios, desenvolvendo, assim, um novo conceito de tridimensionalidade.

Como curiosidade e para complementar, a exposição vale a pena ver a vitrine com pedaços de ossos, conchas e outros achados que o artista tratava com inspiração para seus temas.



Fonte: http://www.galeriamalivillasboas.com.br ... henrymoore