•  
     

Foto de Kevin Carter - abutre esperando criança morrer

Meu Deus que tristeza...poderia ter ajudado aquela criança, foi uma pena :cry: , mas não é só o fotografo, não,tem muitas pessoas morrendo em hospitais, crianças passando fome,fazendo trabalho escravo,
e sabe que é os abutres ???? os POLÍTICOS que rouban as verbas destinadas aos hospitais, e muias outras coisas se eu for escrever tudo,iria dar varias páginas.
 
ao exercicio da profissão temos que enfretar situações, fazemos o registro pela obrigação, o sentimento não o ver a imagem.


Auilio Santos
 
kevin fotografou a matéria e deu costas para alma que pedia atenção. um olhar com um pouco de água teria acalentado o coração daquela sofrida menina.
 
SEUS TROUXAS,NÃO TINHA COMO ELE FAZER NADA ELA IA MORRER DE QUALQUER JEITO
 
Uma investigação realizada pelo jornal espanhol El Mundo, na zona de Ayod, no sul do país africano onde a foto foi tirada, comprovou que a menina magérrima retratada na publicação de 1993, não morreu nesse momento, nem poucos dias depois, mas após quatro anos de “febres”, segundo o pai da criança.

No momento da sua publicação no The New York Times, a foto desencadeou uma série de polêmicas em todo mundo, gerando críticas ao fotógrafo sul-africano.

A história de que Kevin Carter teria cometido suicídio por remorso, também não é verdadeira. Segundo as investigações, Carter, que se matou no dia 27 de julho de 1994, padecia de diversos vícios, tinha muitas dívidas e estava afetado pela perda de amigos, alguns mortos nos distúrbios da efervescente África do Sul pré-Mandela. Inclusive, ressalta o jornal El Mundo, Carter já havia tentado o suicídio antes da famigerada foto.

De acordo com o El Mundo, a suposta menina era, na verdade, um menino chamado Kong. Segundo o jornalista Alberto Rojas, a criança sobreviveu ao período de fome que afetava o país, vindo morrer quatro anos mais tarde.

Além disso, se a foto for vista em alta resolução, é possível distinguir uma fita branca em suas mãos, que identificada que o pequeno Kong recebia ajuda das Nações Unidas, que tinha um centro de apoio a 10 metros do local da foto.

Outro fato interessante é que o urubu não comeu, na ocasião, mais que fezes desta e de outras crianças.
 
É muito facil criticar as pessoas, sem estar lá no momento, sem sabe oq realmente acontecia, li que em muitos lugares daquela região os militares não deixavam os fotografos chegarem perto das pessoas pelo risco de doenças altamente contagiosas, claro q isso num seria desculpa mas Oq vimos nessa foto acontece aki no brasil também, gostaria de saber quem dos acusadores aki, ja pegou um menino de rua que retira a comida do lixo e levou pra sua casa, deu um banho e deu de comer? Quantos desses meninos que vcs hoje passam e nem enxergam morrem no dia seguinte vitimas de carrascos tão abutres quanto akele da foto. E alguém daki tem o peso na consciencia q teve esse fotografo? Eu duvido, duvido que alguns de vcs deixem de dormir pela morte de um menino de rua.
Reflitam muito muito, muito mesmo antes de julgar esse homem q apesar to talento fantastico q tinha, morreu na miséria pq não se conformou com seu ato, pelo menos ele demonstrou carater ao reconhecer seu erro.
 
Não precisava levar a menina para casa. Mas o que custava carregá-la até o posto de alimentação?
 
Quanta hipocrisia... Nesse momento há crianças lá ainda passando fome... Se vcs são tão melhores que esse fotografo então pq não vão lá ajudar? ah... Não tem condições né. Q piada.
 
Kevin não é o culpado por aquela cena horrível, não existia somente aquela criança naquelas condições e mesmo que ele a levasse para onde ela estava indo talvez morresse assim mesmo, em decorrência da fome. Quem são os verdadeiros culpados por aquela situação? Kevin? não... claro que não!
 
Pra dizer a verdade, eu analiso da seguinte forma; A sociedade capitalista que hoje e sempre existiu, impos dentro de todos nos, a cobiça, e o materialismo cada vez mais crescente, seja nos lugares mais pobres, ou ate memso nos lugares mais ricos. Essa vontade inesperada de se "fazer" dinheiro, é o que corrompe o homem a ser quem ele acha que verdadeiramente é. Afinal o que realmente estava por tras de todos aqueles acontecimentos envolvendo a candidatura de Nelson Mandela, o CNA, e as crises sociais na Africa do Sul na década de 90? Consideravelmente, apenas dinheiro e muito jogo de poder. Diferente de Kevin Carter, e tantos muitos outros fotógrafos que se espreitam por ai atrás de um bom trabalho, os possiveis assassinos são aqueles responsáveis pelo desvio de dinheiro público, que ao invés de sustentar a fome de um povo miserável e sofrido como aquele do Sudão, prefere saciar a fome de seu guloso e gordo cofre particular. Sem nenhuma sombra de dúvidas, o fotógrafo Kevin Carter poderia sim ter ajudado aquela garotinha, seria o mínimo a fazer, mas é extremamente considerável o fato de que este rapaz foi apenas mais um reflexo da sociedade que se mostra hoje em dia. O futuro de nossos filhos poderá ser se não pior, mas o mesmo.