•  
     

Faça um "upgrade" nos seus DVDs

Nova safra de DVD Players custa pouco e melhora consideravelmente a qualidade de imagem dos filmes que você já tem, quando ligados a uma TV de alta definição.

A primeira coisa que muita gente testa quando compra uma televisão de alta definição é a qualidade dos filmes em DVD. A parte ruim disso é que, se você não tiver o aparelho certo, conectado corretamente, o resultado certamente será decepcionante.

E a culpa dessa imagem ruim não é apenas do filme em questão. Mesmo um DVD recém-lançado pode ter uma imagem horrenda em uma TV de alta definição se não houver cuidado. Veja como conseguir o melhor resultado gastando muito pouco

Conecte-se direito

O primeiro passo é mudar a conexão do seu aparelho de DVD com o televisor de alta definição. O cabo certo faz toda a diferença. Obrigatoriamente, utilize a conexão componente ou HDMI. Esses cabos permitem que você use a função Progressive Scan (ou varredura progressiva) do tocador de DVD.

A varredura progressiva permite que a imagem enviada para a tela tenha o dobro da quantidade de linhas que nas televisões de tubo. São 480 linhas simultâneas na tela de alta definição, enquanto nas telas de tubo as 480 vão se alternando, linha sim, linha não, 240 por vez para formar a imagem. Na prática, a qualidade visual aumenta consideravelmente.

Mais linhas, mais qualidade

Porém, mesmo com 480 linhas, o sinal de vídeo dos aparelhos de DVD convencionais não é suficientemente bom para ser exibido em uma tela de alta definição. Como o tamanho da imagem gerada pelo DVD é inferior ao da tela, a imagem exibida é muito inferior ao que a TV tem capacidade de exibir. Por isso, existem aparelhos de DVD que driblam essa limitação técnica aumentando o número de linhas da imagem, usando um processo denominado upscaling ou upconverting.

O processo é relativamente simples. A grosso modo o aparelho possui um sistema, que pode ser baseado em hardware, sofware ou uma mistura dos dois, que interpreta a imagem e cria novas linhas entre as existentes, mesclando duas linhas vizinhas para atenuar o serrilhado da imagem. Na prática, os filmes ficam substancialmente melhores em uma tela de alta definição. Não fica com a mesma qualidade de um filme Blu-Ray, mas pelo preço, compensa.

Escolha seu aparelho

Existe uma infinidade de aparelhos que fazem o upconverting no mercado brasileiro. Os preços vão de R$ 300 até R$ 2500, no caso dos tocadores de Blu-Ray (que só usam este recurso durante a reprodução de DVDs). Se você prefere economizar, o negócio é investir nos aparelhos de DVD dotados da conexão HDMI. Por R$ 300, você leva para casa um equipamento capaz de explorar de maneira mais eficiente sua tela de alta definição.

O cabo HDMI transmite som e imagem digitais pelo mesmo cabo. Esse cabo, que em grandes hipermercados pode ser encontrado por R$ 35, evita que você use o monte de cabos que a conexão componente, a outra recomendada para transmitir sinais de alta definição para a TV, exige. Enquanto áudio e vídeo utilizam 5 cabos pelo sistema componente, o HDMI utiliza apenas um.

Outra vantagem dos aparelhos de DVD que fazem upconverting é a versatilidade. O mesmo mecanismo que aumenta as linhas dos DVDs também serve para exibir fotos e até filmes baixados pela internet no padrão DiVX, até mesmo com legendas. Os aparelhos mais bacanas contam até com entrada USB, para pendrives, e são compatíveis com cartões de memória de máquinas fotográficas e até HDs externos.

Os aparelhos de Blu-Ray também dão uma "penteada" nos filmes em DVD, mas são muito mais caros e só valem à pena se você já quiser aderir ao novo padrão de filmes de alta definição que começa a aparecer com mais força nas lojas. Mas leve em conta que filmes em Blu-Ray custam muito mais caro no Brasil, e que também é muito mais difícil encontrá-los disponíveis para locação.

Configure direito

Depois de escolhido e instalado na TV, é hora de configurar seu aparelho para desfrutar da resolução melhorada. O processo difere de aparelho para aparelho, mas basicamente consiste em entrar no menu de configuração e escolher a resolução com que a imagem será transmitida para a tela. Aí, o melhor é escolher a resolução nativa (isto é, o número real de linhas que seu televisor é capaz de exibir). As telas HD (alta definição) são capazes de exibir pelo menos 720 linhas simultaneas. As Full HD, 1.080 linhas. Basta escolher no menu do aparelho de DVD a resolução 720p ou 1.080p. O "p" é de progressive.

Talvez seja necessário também escolher a saída HDMI como principal. Consulte o manual do seu aparelho para ver se isso é necessário. A nova safra de aparelhos que chegou às lojas detecta automaticamente se um cabo HDMI foi ligado.

Tomadas essas precauções e com tudo conectado, é só a estourar pipoca, colocar o filme e curtir a imagem superior.

Fonte: iG Tecnologia
 
Qual DVD existe hj no mercado com estas qualidades e com um preço não mto alto.
 
[quote="Visitante"]Qual DVD existe hj no mercado com estas qualidades e com um preço não mto alto.[/quote]


todos hashusahua... tudo pirata
 
Visitante Escreveu:
Qual DVD existe hj no mercado com estas qualidades e com um preço não mto alto.



todos husasahusa.. tudo pirata :B