•  
     

Ex-padre é condenado por abusar de garoto de 9 anos nos EUA

Abuso aconteceu no final dos anos 1980.
Hoje com 70 anos, padre pegou três anos de prisão.


Um ex-padre da Igreja Católica Romana foi condenado a três anos de prisão por molestar um garoto no final dos anos 1980, na Califórnia, nos Estados Unidos. George Miller, de 70 anos, se declarou culpado de abusar de um menino de 9 anos e ainda admitiu ter molestado sexualmente de outros quatros garotos. Nestes outros casos, porém, ele não poderá ser processado por conta de limitações da lei.

padre-pedofelia.jpg
O ex-padre George Miller (esq.) olha para o seu advogado Steven Cron durante julgamento em San Fernando, na Califórnia (Foto: Nick Ut/AP)


O menino abusado, que tem hoje 30 anos, chorou ao falar no tribunal de frente para o ex-padre. “Eu olhei para Deus e Deus me deu você”, disse, chorando. “Você é um padre, minha família acreditou em você para me ensinar os caminhos do Senhor, não o caminho para o inferno”, completou a vítima, que teve o nome protegido.

A vítima afirmou ainda que o seu irmão está preso por culpa de Miller. Após também ser abusado, passou a cometer crimes e se envolveu com drogas.

O ex-padre não falou nada após uma segunda vítima, hoje com 42 anos, também ser testemunha no caso.

Tod Tamberg, diretor de comunicação da igreja, aprovou a sentença. “Esperamos que o resultado do julgamento traga algum conforto para as vítimas de George Miller”, disse.

Fonte: http://g1.globo.com/Noticias/Mundo/0,,M ... S+EUA.html