•  
     

Estudo afirma que 88% das páginas da rede têm "rastros" do G

google_tracking.jpg
google_tracking.jpg (71.83 KiB) Visto 105 vezes


Durante uma pesquisa a respeito de privacidade na rede, um grupo de pesquisadores da universidade de Berkeley, nos EUA, descobriu que existem “vestígios de Google” em 88% das páginas da rede.

Usando uma extensão do Firefox chamada Ghostery, que procura por bugs escondidos e monitora coockies e trackers de sites, os pesquisadores descobriram que alguns serviços do gigante da internet, como o AdSense, Analytics, DoubleClick, Google Widgets ou FriendConnect estavam presentes em 348.059 dos 393.829 endereços visitados entre os meses de março e abril deste ano.

O StatConter, segundo colocado no ranking de “citações” no relatório aparecia em apenas 7% das páginas.

Mas o que isso significa? “Nós não estamos afirmando que o Google agrega a informação de todos esses coockies numa grande central de dados, mas as informações coletadas nos mostram que eles teriam a capacidade de fazê-lo”, escrevem os pesquisadores.

Os que quiserem ter maiores informações, podem acessar a página no projeto.