•  
     

Criando um Currículo Irresistível

Uma das grandes preocupações que candidatos à vagas de empregos devem ter é a formatação e o conteúdo de seus respectivos currículos. Nos tempos de hoje é de fundamental importância que tomemos alguns cuidados básicos para elaboração de um atraente currículo.

Informações pessoais
Nome, data de nascimento, endereço, estado civil e telefones atualizados são informações que todo currículo deve ter. Outras como carteira de motorista, foto etc… apenas se for solicitado pela empresa.

Experiência Profissional
Liste as empresas e os cargos, ou responsabilidades, que teve na ordem da mais recente para mais antiga e também não se esqueça de colocar o período em que trabalhou.

Formação Acadêmica e Cursos
Liste sua escolaridade, cursos e idiomas. Caso for citar que fala algum idioma jamais diga que fala um idioma no nível “básico”.

Pretensão Salarial
Jamais coloque sua pretensão salarial a menos que seja expressamente solicitado. Caso contrário guarde isso para uma provável entrevista.

Outro fator que o candidato deve levar em conta também é a formatação de seu currículo. Não opte por papéis com cores pesadas, prefira o bom e velho papel A4 branco com a fonte em um tamanho legível na cor preta. Um currículo resumido de apenas uma página é mais que o suficiente quando escrito de forma direta e objetiva para você garantir uma entrevista.


Aqui estão 9 dicas para NÃO fazer um currículo irritante ao avaliador.

Montar seu currículo não é fácil. Você olha, altera, procura, cria estratégias das mais variadas, esconde as falhas aqui ou ali e faz de tudo para se colocar no lugar do avaliador.
Claro, você espera que ele olhe e pense: “Nossa! Irresistível! Não posso perder” certo?
No entanto, apesar das dicas que encontramos em todo o lugar, muitos se perdem em pequenos detalhes que fazem a diferença ao olhar de quem está avaliando o seu currículo.
Hoje, se você conseguir que alguém realmente leia o seu currículo, você não pode perder a oportunidade de causar uma boa impressão, mas de forma transparente é claro. Profissionais de Recrutamento e Seleção são experts em identificar sabichões.

Independente de qual for a sua área, estas 9 dicas, que vieram diretamente de David Silverman para a Harvard Business, podem ser seguidas.

1. Mantenha a formatação consistente
Marcações, títulos, datas, parágrafos, espaçamentos loucos, não pense que estes detalhes não influenciam sua avaliação. Seu conteúdo pode ser excelente, mas se você não consegue manter seu currículo em ordem, imagine seu trabalho. (Dica: datas podem ser alinhadas a direita para facilitar a leitura).

2. Coloque datas em todo o lugar
Se você possui um tempo em que não estava empregado, não omita, deixe claro as datas em que você trabalhou em quais lugares de forma exata, se for necessário, explique em sua carta de apresentação. Ao não colocar as datas, no mínimo você vai parecer desligado e no máximo, um aproveitador.

3. Use palavras-chave
Apesar de ter uma grande chance de prejudicar sua objetividade caso não for bem utilizado, você precisa ser encontrado. Para isso, irão procurar palavras-chave que se encaixem na descrição da vaga, ITIL, PMP, ERP, CRM, vejo quais são os requerimentos e preencha faça questão de utilizá-los.

4. Escolha verbos que significam alguma coisa“Acompanhou em”, “Trabalhou em”, “Contribuiu para” entre outros, não transmitem muito de você para um futuro empregador. Ao invés disso, procure verbos mais significativos como “Escreveu”, “Projetou” ou “Gerenciou”. Quanto mais específico, melhor.

5. Reescreva seu Currículo para cada oportunidade de trabalho
Se você realmente quer um emprego, seu futuro empregador não ficará impressionado por sua falta de habilidade em adequar seu currículo para satisfazer a necessidade deles. Destaque de 3 a 7 coisas que você separou especialmente para a vaga desejada.

6. Expresse seus objetivos e interesses externos – mas seja cuidadoso
Se você sabe que a empresa está procurando “Por uma pessoa altamente motivada,e que tenha o desejo de ultrapassar os limites culturais e goste de esquiar e passar tempo no ofurô?” Bom, coloque isso também mas caso você não saiba, deixe para a carta de apresentação ou, melhor ainda, para a entrevista.

7. Quanto mais antigo, menos detalhes
Não há necessidade de colocar 10 linhas de descrição para um emprego que você conseguiu há 10 anos, poupe ou avaliador deste martírio.

8. Mantenha-o resumido
Um currículo de 5 páginas pode até ser justificável em alguns casos (principalmente acadêmicos), mas não há necessidade de colocar cada palestra que você já participou e todos os cursos de curta duração. No entanto, se você deseja colocar todas as informações no currículo, ótimo, mas coloque no final.

9. Sem erros de impressão
sabe aqueles erros desagradáveis, não os de português, os de impressão mesmo, letras duplicadas, borrões etc. Seu currículo é o banheiro de um restaurante, o único cômodo que todos podem ver e como Anthony Bordain diz: se você não pode manter o banheiro limpo, quanto mais a cozinha!

Além de considerar todas as dicas, não esqueça da dica universal: jamais, em hipótese alguma minta, além de ficar feio caso você seja convocado para uma entrevista, você irá fechar futuras portas naquela empresa, não vale a pena o risco. Se você tem pouca experiência, existe um lugar no mercado para você também.
Fontes:
Dicas de Sucesso - http://www.dicasdesucesso.com/geral/cri ... tivel.html
ADMIT Comportamento e Tecnologia - http://www.admit.com.br/administracao/9 ... -irritante
 
mt bom lek !