•  
     

Criador da web diz ter caído em golpe ao fazer compra virtua

Tim Berners-Lee afirmou ter pago por um produto que nunca recebeu.
Ele acredita não ter sido cauteloso o suficiente ao fazer a encomenda.



Tim Berners-Lee.jpg
Tim Berners-Lee durante visita ao Brasil, em janeiro de 2009. (Foto: Renato Bueno/G1)


O pesquisador Tim Berners-Lee, criador da world wide web, sentiu na pele os riscos de fazer uma transação financeira na rede virtual que ajudou a criar, após pagar por um presente de Natal que nunca recebeu. Berners-Lee revelou o ocorrido em entrevista ao jornal britânico "Sunday Telegraph", quando expressou preocupação com os problemas de segurança na rede.

Ele explicou que foi vítima da fraude por não ter sido suficientemente cuidadoso, pois um simples telefonema para o número que a empresa virtual disponibilizava em seu site poderia indicar que a companhia não existia.

Durante a entrevista, Berners-Lee disse que esse tipo de situação demonstra que os delitos na internet devem ser combatidos com a mesma contundência que os crimes do mundo real. Ele sugeriu a assinatura de acordos internacionais que garantam o combate a criminosos da internet mesmo que estes estejam em um país diferente do qual vive a vítima de uma fraude.

Berners-Lee ressaltou também que é preciso fazer esforços complementares contra vírus e e-mails que paralisam redes de computadores e sites. Neste sentido, o cientista falou sobre a criação de meios que permitam isolar os sistemas infectados até que sejam desinfetados, com o objetivo de proteger não só a si mesmo, mas também ao restante dos usuários da rede.

Fonte: http://g1.globo.com/Noticias/Tecnologia ... RTUAL.html