•  
     

Caçadores americanos dizem ter cadáver do Pé Grande

Segundo eles, exame de DNA vai provar que trata-se da criatura lendária.
Especialistas no assunto apontam para possível fraude na 'descoberta'.


Dois "caçadores" norte-americanos afirmam ter capturado o "Pé Grande" e colocado o corpo da lendária criatura em um congelador. Matt Whitton e Rick Dyer dizem que encontraram o animal nas florestas da Geórgia, nas regiões remotas em que as pessoas geralmente afirmam ter visto o "homem-macaco".



Os "caçadores" dizem que o exame de DNA vai provar, de uma vez por todas, que a criatura congelada realmente é o Sasquatch - outro nome do animal.



Mas os especialistas não estão convencidos. "O que vi até agora não me convenceu, e as fotografias divulgadas lançam dúvidas sobre a 'descoberta' anunciada", disse à revista "Scientific American" Jeffrey Meldrum, um pesquisador de Pé Grandes e professor da Universidade Estadual de Idaho.


Segundo Meldrum, o teste de DNA não vai provar nada e, na melhor das hipóteses, deve resultar em uma seqüência de genes incompatível com a de qualquer primata conhecido.

0,,15298147-EX,00.jpg
0,,15298147-EX,00.jpg (55.93 KiB) Visto 2318 vezes


Fonte: http://g1.globo.com/Noticias/PlanetaBiz... RANDE.html
 
Suposto Pé Grande não passa no teste de DNA nos Estados Unidos

Exame conclui que uma das amostras analisadas era de um ser humano.
Fundador de empresa diz que houve contaminação e promete novos testes.


O lendário Pé Grande, criatura meio-homem e meio-macaco que habitaria as florestas dos Estados Unidos, continua sendo um mistério. Depois que dois caçadores norte-americanos anunciaram ter encontrado o cadáver do ser mitológico, um teste de DNA divulgado nesta sexta (15) derrubou a teoria.



Segundo Curt Nelson, cientista da Universidade de Minnesota que acompanhou o teste, o exame revelou que uma das amostras apresentadas para o exame pertencia a um humano, e a outra tinha grande possibilidade de ser de um marsupial.



O resultado do teste de DNA foi divulgado em Palo Alto, na Califórnia. Tom Biscardi, que tem um programa de rádio semanal sobre o Pé Grande, e Matthew Whitton e Rick Dyer, os "descobridores" do Pé Grande, estavam presentes.



Biscardi diz que as amostras para análise podem não ter sido coletadas corretamente e acabaram sendo contaminadas. Ele diz que vai fazer uma análise detalhada do cadáver, atualmente guardado em um congelador em um local não divulgado.

0,,15304020-EX,00.jpg
Tom Biscardi, fundador da empresa Bigfoot, mostra foto do suposto Pé Grande
(Foto: Kimberly White/Reuters)
0,,15304020-EX,00.jpg (44.5 KiB) Visto 2297 vezes


Fonte: http://g1.globo.com/Noticias/PlanetaBiz ... NIDOS.html