•  
     

Aventura medieval

Imagine se salvar o lugar onde você vive estivesse em suas mãos, o que você faria? Teria coragem de seguir em frente e fazer o que fosse necessário? Alexa não pensou duas vezes quando recebeu uma carta falando sobre seu futuro, ela mergulhou na aventura e, vou te contar, não foi nada fácil!

É claro que ela não estava sozinha atravessando um reino medieval encantado, impossível fazer isso mesmo pra ela, que sempre arruma um jeito de fazer as coisas. Seus fiéis escudeiros foram Yipes, um homem menor do que uma criança, John Christopher, um ex-prisioneiro que tinha uma marca em sua testa deixando sua condição bem clara, Odessa, uma loba de verdade, Murphy, um pequeno esquilo agitado e Squire, um falcão fêmea.

A comunicação entre o grupo (animais e humanos) se dava por causa de uma pedra mágica que permite que os humanos entendam o que os animais dizem, a Jocasta. Aliás, as Jocastas são as causadoras de todo esse problema: elas são mágicas e não existem mais. A pedra de Alexa é a última que existe.

No caminho eles encontram para reforçar a luta, Armon, um gigante que não foi transformado em monstro como o resto de seu povo, que caiu nas garras de Grindall, o homem que quer dominar todo o reino. É claro que a história é muito mais complicada do que isso, mas para entender tudo, você precisa ler o livro. O que eu posso te contar é que são muitos dias e noite de caminhada, de lutas e uma guerra eletrizante.

O livro “Além do Vale dos Espinhos” vai te deixar com vontade de ter nascido em um época onde essas coisas ainda existiam e você, talvez, fizesse parte do grupo de Alexa. Patrick Carman é o autor da obra que, na verdade é uma trilogia, começa com “No Limiar das Colinas Sombrias” e termina com “A Décima Cidade”.


Fonte: http://colunistas.ig.com.br/bookmarks/2 ... -medieval/