•  
     

Arrebatamento: A Profecia mais Sobrenatural da História

Segundo esta profecia, a humanidade testemunhará algo inédito em toda a sua existência: o desaparecimento literal e instantâneo de milhares de pessoas.

Diante de todas as profecias já conhecidas pela humanidade, existe UMA que nem os maias, nem os incas, astecas, egípcios, Nostradamus, Maomé, ou qualquer outro profeta ou prognosticador, ou agoureiro, ou civilização antiga, ou tribo, tenha vaticinado: O ARREBATAMENTO.

Segundo esta profecia, a humanidade testemunhará algo inédito em toda a sua existência: o desaparecimento literal e instantâneo de milhares de pessoas, crentes em Jesus.
A profecia que prediz este grandioso evento foi descrita em dois textos, por São Paulo:

1) “Eis aqui vos digo um MISTÉRIO: na verdade, nem todos dormiremos [na morte], mas todos [crentes fiéis] seremos transformados, num momento, num abrir e fechar de olhos, ante a última trombeta; porque a trombeta soará, e os mortos ressuscitarão incorruptíveis, e nós seremos transformados. Porque convém que isto que é corruptível [corpo humano] se revista da incorruptibilidade e que isto que é mortal se revista da imortalidade. E, quando isto que é corruptível se revestir da incorruptibilidade, e isto que é mortal se revestir da imortalidade, então, cumprir-se-á a palavra que está escrita; tragada foi a morte na vitória. Onde está, ó morte, o teu aguilhão? Onde está, ó inferno, a tua vitória? (I Coríntios 15:51-55).

2)”Não quero, porém, irmãos, que sejais ignorantes acerca dos que já dormem [na morte], para que não vos entristeçais, como os demais, que não tem esperança. Porque, se cremos que Jesus morreu e ressuscitou, assim também aos que em Jesus dormem Deus os tornará a trazer com ele. Dizemo-vos, pois, isto pela palavra do Senhor: que nós, os que ficarmos vivos para a vinda do Senhor, não precederemos os que dormem. Porque o mesmo Senhor descerá do céu com alarido, e com voz de arcanjo, e com a trombeta de Deus; e os que morreram em Cristo ressuscitarão primeiro; depois, nós, os que ficarmso vivos, seremos ARREBATADOS juntamente com eles nas nuvens, a encontrar o Senhor nos ares, e assim estaremos sempre com o Senhor”. (I Tessalonicenses 4:13-17).

Considerações a respeito de seu cumprimento:

1) Não se pode marcar data para o cumprimento desta profecia: é uma profecia IMINENTE. Esta é, aliás, a sua principal característica. Há, no entanto, vários sinais que indicam estar próximo de se cumprir este grandioso evento. O sinal mais relevante de todos refere-se ao retorno dos judeus (a figueira de Deus) à terra de Israel. (Lucas 21:25-33). O cumprimento de todas as profecias bíblicas depende da existência do Estado de Israel.


2) O Arrebatamento será, LITERALMENTE, o desaparecimento instantâneo, “num abrir e piscar de olhos”, de todos os crentes fiéis, em Cristo. Isto significa o desaparecimento em massa de um número ora desconhecido de pessoas, de todas as partes do globo. É impossível um descrente ser arrebatado.

3) Será uma espécie de teletransporte, daqueles de filmes de ficção científica. Os cientistas só conseguiram, até hoje, teletransportar um átomo inteiro. Mas o Espírito de Deus teletransportou um crente por quilômetros, Filipe, que estava evangelizando um etíope eunuco, mordomo-mor de Candace, rainha dos etíopes: “E quando saíram da água [pois Filipe havia batizado o etíope], o Espírito do Senhor ARREBATOU a Filipe, e não o viu mais o eunuco [...] e Filipe se achou em Azoto” (Atos 8:39,40).

4) O Arrebatamento já era aguardado iminentemente nos dias dos apóstolos. Por não poder prever datas, mas só exortar aos crentes estarem em alerta, o apóstolo Pedro advertiu que surgiriam escarnecedores, dizendo: “onde está a promessa da sua vinda? Porque desde que os pais dormiram todas as coisas permanecem como desde o princípio da criação” (II Pedro 3:4). São Pedro, porém, admoestava: “Mas, amados, não ignoreis uma coisa: que 1 dia para o Senhor é como 1.000 anos, e 1.000 anos, como 1 dia. O Senhor não retarda a sua promessa, ainda que alguns a tem por tardia; mas é LONGÂNIMO para convosco, não querendo que alguns se percam, senão que todos venham a arrepender-se” (II Pedro 3:8,9).

5) O Arrebatamento é um livramento dos fiéis de Cristo, da futura ira de Deus, que está para ser desencadeada sobre a humanidade incrédula e ímpia (I Tessalonicenses 1:10);

6) Será fácil para os novaeristas convencerem a humanidade de que houve uma abdução em massa e que esta era necessária, para acabar de vez com a barreira [da Era do Peixe = Cristianismo] que impedia a total implantação na Era de Aquário no Globo.

7) Mesmo para os apóstolos, que já esperavam o Arrebatamento em seus dias, ficava difícil visualizar o cumprimento das demais profecias bíblicas, de escala universal, APÓS o Arrebatamento da Igreja de Cristo, tais como: o controle total, um governo único, uma religião “única”, e o estranho poderio bélico descrito nos Profetas do Antigo Testamento e no Apocalipse.

8) O Arrebatamento é, portanto, a garantia de Cristo, de que NADA, até então, irá extinguir a humanidade, como muitos temem acontecer.

“Passará o céu e a terra, mas as minhas palavras não passarão” (Marcos 13:31).

Citações da Bíblia de Estudo Pentecostal, CPAD.

Fonte: http://www.sobrenatural.org/materia/det ... _historia/
 
Tosco ¬¬
 
Irmãos essa mensagem é verídica e forte, devemos então confio em nossa fé de cristãos e levantar o nosso coração para as coisas do alto...
Sempre com fé, amor e perdão no coração.
 
estou com medo ,
 
nao entendi muito fala mais
 
sera que uma garantia para as pessoas conseguirem viver
 
esta lenda e muito horivel e eu nao gosto
muito de ver
beijos
kathelen
 
Nunca confi em falsos profetas porque a verdadera palavra de DEUS é a bliblia.