•  
     

19 verdades sobre cremes

Desvendamos os mistérios dos cosméticos. Tire as suas dúvidas e mantenha a pele sempre suave e hidratada

mulher-com-creme.jpg
mulher-com-creme.jpg (9.84 KiB) Visto 681 vezes


1. Qual a diferença entre hidratantes em forma de creme e gel?
Em gel são para peles oleosas ou mistas, pois não apresentam óleos em suas formulações. Os hidratantes em creme são para peles normais ou secas.

2. Quem usa base hidratante precisa também aplicar creme hidratante?
Depende. Algumas bases hidratantes são boas, porém alguns tipos de pele, como as envelhecidas, podem precisar de cuidados extras.

3. Por que existem cremes para a noite?
Cremes de uso noturno trazem substâncias que são mais bem absorvidas pela pele durante um período longo, de repouso. E podem conter ácidos que não devem ser expostos ao sol. Por isso, não podem ser usados durante o dia.

4. Cremes perfumados fazem mal à saúde?
Quanto menos perfumados e coloridos, menos chance de causar irritações e alergias.

5. E os manipulados, são melhores para a pele?
Depende da procedência do produto. Os manipulados podem ser tão bons quanto os industrializados. O mais relevante é lembrar que a fórmula deve ser sempre receitada por um dermatologista, para que seja adequada a sua pele.

6. Quais os benefícios dos cremes com ácido glicólico?
Eles agem como renovadores celulares, ou seja, fazem uma esfoliação suave na pele. Por isso, se usados adequadamente, clareiam as manchas e melhoram os sinais de envelhecimento. “É preciso cautela porque podem irritar a pele”, diz Maria Rita Lemos de Bezerra, especialista em cosméticos e diretora da Valmari Dermo Cosméticos. O protetor solar é imprescindível durante o tratamento com esse tipo de creme, porque a pele tende a manchar facilmente.

7. As regiões mais ásperas do corpo precisam de cremes específicos?
Com certeza. Os cotovelos e os joelhos são as áreas mais secas do corpo porque contêm menor quantidade de glândulas sudoríparas, responsáveis pela hidratação natural da pele. Por isso, precisam de produtos mais espessos, que têm o poder de regenerar, hidratar e proteger essas regiões.

8. A vitamina C no cosmético dá o mesmo resultado que a ingerida por via oral?
Os cremes com vitamina C ajudam a recuperar as células dos danos do sol, hidratam, dão brilho à pele e ajudam a atenuar as rugas mais finas. “As cápsulas servem para outras finalidades, como melhorar as defesas do organismo. Para resultados estéticos, a aplicação deve ser local”, diz a especialista.

9. Creme realmente retarda a velhice?
Os anti-sinais ajudam a combater a flacidez, algumas ruguinhas e manchas.

10. Devem ser usados em que idade?
Depende da idade que a pele aparenta. Vários fatores deixam uma pele jovem envelhecida precocemente: sol, cigarro, estresse, alterações hormonais, medicamentos e má alimentação, por exemplo.

11. Com quais cosméticos a pele deve ser tratada em cada fase da vida? Até os 25 anos, um hidratante com filtro solar. A partir daí, cremes para prevenção. Após os 35, um arsenal de produtos anti-sinais entra em campo: os antioxidantes, vitamínicos, firmadores, clareadores, nutritivos...
12. Quando o creme para a região dos olhos tem de entrar em ação?
O início da aplicação depende do tipo de pele. As peles normais ou secas podem necessitar de tratamento mais precoce. “Pessoas que tensionam muito o rosto ou que tenham a pele e os olhos claros ou que possuem problemas de visão têm maior propensão e podem iniciar o tratamento por volta dos 25 anos”, indica a dermatologista Shirley Borelli. Outras, porém, só deverão se preocupar a partir dos 30, 35 anos.

13. O que passar primeiro: hidratante ou produtos de tratamento, como os anti-sinais e antiolheiras?
O hidratante deve ser aplicado antes e muitos já têm componentes para rugas, manchas, olheiras e flacidez. Nesse caso, não é necessário aplicar outro tipo de creme.

14. Produtos para o rosto devem ser espalhados no pescoço e no colo também?
Sim, mas os com ácidos podem irritar o pescoço.

15. Quanto creme devo aplicar? "O necessário para cobrir a pele e que seja absorvido, sem que se note a sua aplicação”, diz Sílvia Mussolini, coordenadora de bem-estar do Senac.

16. Qual é a forma correta de passar?
Espalhe uma camada fina com suavidade. Ao redor dos olhos, coloque 2 gotas na pálpebra superior e 1 na inferior. Com o dedo médio, faça movimentos circulares de cima para baixo. Já no pescoço e colo, passe de baixo para cima, do seio para o queixo.

17. Por que há cremes para cada parte?
Porque a pele é diferente. Cotovelos, joelhos e pés precisam de hidratação à base de uréia, queratina ou semente de uva. Nas mãos, é fundamental um creme com filtro solar.

18. Como se intensifica o efeito dos hidratantes?
Passe o creme após o banho. Com a pele úmida, a substância penetra melhor.

19. O que deve ter um bom creme anticelulite? Arnica, cavalinha, centella asiática, hera, castanha-daíndia, ginkgo biloba, cafeína, erva-mate, alga fucus, guaraná, hamamélis e hortelã (mentol), que quebram as células de gordura. E a massagem para combater a celulite é feita nas pernas, com movimentos circulares do joelho à virilha; na barriga, ao redor do umbigo; no bumbum, de trás para a virilha.



Fonte: http://mdemulher.abril.com.br/beleza-di ... 5796.shtml